quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Improviso de domingo : Maçã ao forno


Domingueira (ja tem um tempo ja) nada pra fazer, ja era la pelas tantas, sem chocolate em casa, a unica maneira pra matar a vontade de comer algo doce foi improvisar com o que tinha em casa :)

Maças ao forno, chantilly de especiarias e mel com azeite balsamico.

Tirei o centro da maça, para retirar as sementes. Mas deixei a maça inteira (ai na foto ta cortada, mas isso foi depois). Joguei um cado de açucar, coloquei um naco de manteiga (sem sal) por cima e levei ao forno à 180°C (dentro de uma forma né). Quando a manteiga derreteu, e a maça começou a amaciar a parte de cima (depois de uns 10 minutos), tirei do forno e cortei a danada em 4. Coloquei mais um pouco de açucar (lembre de deixar cair um pouco na forma, para formar um caramelo que você vai usar como molho depois), um pouco de canela e um bocado de uva-passa. Forno de novo. Assim que a maça começou a ficar mais macia (mas nem tanto, eu gosto dela 60% cozida 40% quase que so quente) eu desliguei o forno (mas deixei a maça la dentro ainda). Fiz uma chantilly com um restinho de creme de leite fresco (ja passei a receita de chantilly aqui), açucar e um cadin de 4 espéciarias (um potinho que vem com 4 coisas diferentes... da um gosto bem misterioso).

Coloquei tudo no prato, salpiquei com amendoas em laminas, o "caramelo" que ficou no fundo da forma e um pouco de mel com vinagre balsamico (que compramos numa feira italiana ja tem um bocado de tempo) e voilà. 

Bem bom e rapido.

Abraços

CH

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Mousse/Creme chocolate ao leite, telha de amendoas e pirulito de chocolate branco


Como sobremesa da noite do burgão gourmet, nos fizemos isso :

Mousse/creme de chocolate ao leite, com telha de amendoas e pirulito de chocolate branco e frutas/sementes secas.

A telha eu ja passei aqui. O que eu fiz de diferente foi cortar a metade do açucar. Ficou perfeita !

O pirulito, muito facil : 

Coloque uma forma (ou placa) na geladeira (ou mesmo no freezer) durante pelo menos uns 10 minutos, so para esfria-la mesmo. Derreta o chocolate branco em banho maria ou no micro-ondas. Retire a forma do freezer, cubra com papel manteiga e coloque ai alguns palitos (do tamanho que você quiser). Com uma colher coloque chocolate branco na ponta do palito (cobrindo pelo menos um centimetro dele). Faça o redondo do pirulito do tamanho que quiser. Coloque ai as frutas e sementes que quiser e do tamanho que quiser (eu coloquei uva-passa, damasco seco e sementes de girassol e abobora secas, mas não salgadas). Leve à geladeira por uns 10 minutos, ou até o chocolate ficar duro. Pronto :)

Mousse/creme : essa receita foi o errado que deu certo :) 

Ingredientes :

340g de chocolate ao leite
5g gramas de gelatina (acho que foram duas folhas...)
250g de leite integral
500g de creme de leite fresco

Coloque a gelatina em agua fria para hidrata-la. Derreta o chocolate em banho maria ou no microondas. Em uma panela, ferva o leite. Retire do fogo e coloque ai a gelatina (bem espremida para retirar bem a agua). Misture um terço do leite ao chocolate derretido. Mexa bem até fazer "um no" brilhante. Coloque mais um terço, e mexa bem. Finalmente, coloque o resto do leite e mexa bem.
Agora vem o negocio : bata o creme de leite fresco, mas não em chantilly, mas em ponto de espuma. Quando a gente vai batendo o creme em chantilly isso vai levantando uma espuma. O negocio é deixar o creme inteiro nessa espuma, antes de virar chantilly. O que acabamos fazendo, sem saber foi que deixamos 1/4 do creme de leite em ponto de espuma e o resto acabou ficando liquido. O resultado foi : a parte de cima da verrine virou uma mousse, e o resto em baixo um creme, e essa mistura de textura ficou top ! Agora, se for fazer para ficar igual a receita, eu aconselho a ir fazendo a espuma e separa-la de tempos em tempos em outro recipiente. Assim você vai fazendo a espuma aos poucos, e o creme inteiro vai virar espuma e a mousse vai virar mousse :) não mousse/creme....

Assim que a mistura choc/leite/gelatina chegar à 35°C/45°C (o que leva uns 10 minutos depois que você misturou os dois) é so colocar a espuma de creme (ou a espuma + creme) e misturar bem. Coloque em copos e leve à geladeira (ja cobertos com um filme alimentar). 2h horas na geladeira é o minimo, 24h é um otimo tempo.

é so decorar antes de servir, e comer :)


Abraços

CH

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Cozinha de legumes : Sopa de Butternut e maçã


Ja tem um tempo eu encontrei um canal no youtube de um chef frances, que mora nos EUA: Bruno Albouze. Ele tem muito "as manhas" e faz muita coisa boa. Ai vai o canal : http://www.youtube.com/user/BrunoAlbouze

Uma receita que ele fez e eu tentei aqui em casa foi a sopa de Butternut e maçã. Não segui muito a receita (em relação as quantidades e tals), mas a idéia é muito boa, e a sopa também :)

O video da receita : http://youtu.be/DRJrvpzvvlI

Corte ai uma abobora Butternut (de novo ela, ta na época, tem que aproveitar) e umas duas cenouras em cubos; uma cebola em cortes finos; e umas duas maças grandes também em cubos (ja sem a casca e as sementes). Em uma panela refogue a cebola+cenouras, e adicione os cubos de Butternut. Coloque ai também um dente de alho cortado em pequenos pedaços. Assim que subir aquele otimo cheiro de alho, coloque as maças. Mexa um pouco e cubra com um caldo de legumes (ele de novo... prometo passar a receita o mais rapido possivel... pode ser agua também... mas com caldo é melhor). Eu coloquei (antes de adicionar o caldo) um pouco de gengibre em po, pra dar um "tchan".

Assim que a Butternut estiver macia, bata tudo no liquidificador, com um bom pedaço de manteiga. Para a espessura da sopa, é so ir colocando o caldo do cozimento aos poucos, e parar quando estiver quase no ponto que você quer. Verifique o sal, coloque pimenta também se quiser... o melhor vem agora : adicione ai um pouco de suco de maçã ou uma boa cidra. So pra chegar na espessura que você quer... com a cidra fica muito bom.

Sirva em uma abobora (ja sem as sementes né) pequena (é so cozinha-la no vapor, como fizemos aqui).

Eu servi com um bom queijo (Mont d'Or do Jura) e sementes de abobora secas (que prometo passar como se faz...).

Abraços

CH



sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Cozinha de Legumes : Berinjela Gourmet ?


Vendo alguns videos na internet topei com um chef Francês, muito bacana : Alain Passard. Ele tem um restaurante 3 estrelas Michelin em Paris chamado L’Arpège. Desde 2002 ele retirou carne vermelha do menu (mas ainda serve peixes e afins) para começar uma cozinha de legumes. Essa passagem para a cozinha de legumes virou tendencia nos restaurantes top (Alain Ducasse também fez isso). A ideia é que legumes são rapidos de cozinhar, oferecem milhões de possibilidades, desafiam a criatividade do chef, são saudaveis, respeitam a terra (claro, quando são bio), diminui o consumo de carne vermelha, valorizam o agricultor, e por ai vai. 

Fiquei bem animado com a ideia de explorar mais os legumes, e ir tentando fazer coisas legais (principalmente por aqui, onde temos uma variedade boa de legumes nos mercados...). O que eu gostei da cozinha de legumes é que ela não é uma cozinha vegetariana. Bom, é e não é. Eu acho que "vegetariana" carrega um pouco de ideologia (se a gente concorda ou não, isso não importa). Não sou contra o consumo de carne, mas diminir esse consumo faz bem pra gente e pro planeta também. E acaba levando a um consumo mais consciente da carne (acabamos comprando menos, e entao vamos atras de carnes melhores, vindas de animais criados soltos, comendo coisas naturais, etc.).

Ah sim, e fica mais barato também :)

Ai vai o que fiz outro dia :

Berinjela sobre um creme de Butternut 

Butternut é um tipo de abobora, otima para fazer sopas, cremes, caldos... ele fica bemmm lisa depois de mixar. Facin de fazer :

é so cozinhar a Butternut (ja sem casca, sem sementes e cortada em cubinhos) em um caldo de legumes (acho que ja passei a receita por aqui... bom vou acabar passando de novo qualquer dia desses entao... pode cozinhar a Butternut na agua mesmo... mas no caldo fica melhor). Assim que ela ficar macia, bata a abobora no liquidificador. Dai a espessura do caldo vai depender da quantidade de liquido que você for adicionando. Eu gosto do creme um pouco mais espesso. Jogue ai no liquidificador um bom pedaço de manteiga, ajuste o sal e pronto.

Para a berinjela, é so lavar e cortar uma berinjela pequena em 4 pedaços (pela a metade, e depois cada metade pela a metade), "jogar" um pouco de sal nesses quartos de berinjela e deixar descansando alguns minutos (20 ja esta bom). Aqueça bem uma frigideira, coloque so um fiozinho de azeite e doure a berinjela por alguns minutos em cada lado (uns 2 minutos de cada "lado de dentro", e uns 2 do lado da casca). O ideal (pra mim) é que ela fique macia por fora, e um pouco crua por dentro. Assim que ficar pronta, faça alguns cortes (pra ficar mais facil de comer, e mais bonito também).

Coloque o creme de Butternut no fundo do prato, a berinjela por cima, e decore com sementes de abobora secas e um pouco de pimenta (d'espelette no meu caso).

Bemmm bom.

Abraços

CH

domingo, 18 de novembro de 2012

Burgão Gourmet


Estamos falando muito de hamburger aqui em casa ultimamente, e a vontade de comer um foi so aumentando (e a pressão dos amigos também... que sempre me "amolam" pra poder experimentar os burgões do Caique)... resolvemos então receber alguns amigos, e fazer um burgão... mas um burgão gourmet. No e-mail que enviamos convidando os amigos para a "noitada" de hamburger, mandamos 3 escolhas de sandubas... todo mundo (menos uma pessoa) escolheu o hamburger gourmet (cuja a descrição no email era : hamburger de carne de vaca + ingredientes surpresas). Ai vai o sanduba gourmet :

Pão caseiro + hamburger de carne de vaca (com champignons, presunto cru, pistache e verbena-citronela) besuntado com uma calda de goiabada picante + uma fatia de céleri rave (é um legume, que não sei como se chama em portugues) + bacon + gruyère + alface + tomate + molho de hibiscus.

Ai vai a receita, pra ficar de boa :

Hamburger : 
1° parte : corte ai, em "cubinhos", um tanto bom de presunto cru (tipo parma, ou tipo serrano, ou algum outro que você goste... o importante é que sejam fatias, e não pedaços... para literalmente desaparecer quando misturar com a carne). Corte varios champignons de Paris também (se achar fresco otimo, se não achar, que pena... acho que pode usar o de conserva... mesmo ele não tendo a mesma qualidade do fresco). é so cortar no meio, e cada metade dessas, no meio outra vez, ou em 3, se o champignon for grande. Coloque um pouco de azeite em uma frigideira, e salteie o presunto cortado e os champignons cortados. Não coloque sal. Deixe esfriar completamente.

2° parte : compre uma boa carne moida. Dai é so misturar bem (espremendo com as mãos) a carne moida + os champignon/presunto ja frios + pistache (um tanto bom, sem a casca dura é claro, so a parte verde, que você pode quebrar um pouco com o lado da faca, ou com um pilão.... mas não tranforme o negocio em po não, rola de ter uns pedações maiores) + a verbena-citronela cortadinha (isso deve ser dificil de achar ai no BR, entao pode substituir por zestes de casca de limão, ou mesmo pela a citronela mesmo... mas dai a maneira de colocar vai ser diferente, pq ela é mais dura... depois coloco aqui como cozinhar com citronela). Coloque so um pouco de sal, não muito. Esse sal não é para salgar a carne, mas para ajudar na textura (sim, sal não é so pra salgar, ele serve para ajudar a dar textura na carne... ou para tirar o amargor das coisas... Não, açucar não tira armargor, desculpe te decepcionar... pegue ai dois copos daquela soda da antartica, bemmm amarga... em um coloque açucar e no outro um pouco de sal... dai me conte depois qual "corta" mais o amargor). Dai vem a tecnica suprema, que vai mudar a textura do seu hamburger para sempre :)

Faça um cilindro ai com sua carne moida, e coloque no centro de um filme alimentar.

Enrole como se fosse uma bala, feche os lados e leve à geladeira (se for fazer no mesmo dia de servir, tem que deixar por pelo menos uma hora... no nosso caso, foram 24h). O pulo do gato é deixar mais ou menos do diametro do seu hamburger. Você logo vera o porque....

No outro dia, desenrole a carne. Corte em "rodelas" de carne....

... pra ser "justo" eu sempre peso, 180g por pessoa ja esta bom... ontem eu fiz 230 pra cada :) Agora o esquema é o seguinte : é so deitar essa rodela de carne (porque se a gente olhar bem, essa ai da foto na balança esta "de pé", igual no cilindro... dai é so deita-la e formar, delicadamente o hamburger... ontem a Iara nos deu de presente um novo brinquedo culinario : 

Uma forma para hamburger, pra dar forma :) Dai é so colocar a carne (deitada, para nao mudar o sentido que nos demos para ela no cilindro enrolado no filme...

... espalhar um pouco e apertar, mas não muito ! so para dar forma mesmo. Olha que beleza :



Frescura ? talvez, mas a carne cozinha muito melhor depois de passar nessa forma, e se distribui melhor no pao... cada mordida tera o um pedaço de carne... mas se fizer na mão também fica bom, menos divertido, mas bom também (sempre fiz na mão, so ontem fui fazer com essa forma... e acabei gostando bastante). 

Continuando : eu dei forma ao hamburger no final da tarde (o pessoal ia chegar aqui ali pelas 19h30, eu moldei os hamburgers ali pelas 17h30).

Nunca é demais dizer, mas pelo o amor de Jaga, deixe a carne chegar a terperatura ambiente (ou pelo menos perto) antes de cozinha-la ! assim ela vai ficar pronta mais rapido, de forma homogênea e você vai poder controlar o ponto de cozimento mais facil !!! uns 20 minutos mais ou menos ja esta otimo (no BR faz muito calor, entao uns 10 ja da, eu acho).

Pro pão : da pra fazer no dia de servir, ja passei a receita aqui. O negocio é que da pra fazer o pão pela a manha. Deixa crescer (dobrar de tamanho). Faz as bolinhas no começo da tarde (deixa dobrar de tamanho). Dai assa  no meio da tarde (passando um pouco de ovo batido em cima, com gergelim). Assa por 15 minutos, nem mais nem menos (principalmente mais). Tira do forno, cobre com um pano e deixa esfriar. Deixa ai coberto até a hora de preparar o burger (assim que esfriar ja pode tirar da forma onde ele assou). é so deixar coberto com pano, e ja esta beleza.

Pros molhos (da pra fazer pela manhã, no dia que vai servir mesmo) : 

Molho Hibiscus : coloque um tanto bom de hibiscus em um tanto bom de agua (uns 300ml). Coloque tudo em uma panela e ferva até reduzir pela a metade. Deixe esfriar um pouco, retire os hibiscus (lembre de espreme-los para retirar a agua que eles absorvem). Você deve ficar com um liguido cor de vinho, com um gosto bem marcado de hibiscus (se quiser mais forte ainda, deixe reduzir ainda pela a metade, ja sem os hibiscus dentro da panela).
Faça uma maionese. Assim que ela estiver bem brilhante e bonita, va colocando aos poucos (de colher de cha em café de cha) o concentrado de hibiscus que fizemos antes (que não pode estar quente, se tiver morno esta otimo). A maionese vai ficando menos encorpada. Acho que umas 4 colheres de cha ja esta bom (a mistura vai ficar meio rosa, ou purpura).

Calda goiabadaCorte um pouco de goiabada (um pedaço pequeno) em cubos. Coloque em uma panela pequena e leve ao fogo. Pingue ai um pouco de vinagre, sal e pimenta (uma pimenta porreta... Aqui eu coloquei Cayenne). Va colocando, quando o negocio todo for esquentando e soltando um pouco de fumaça, acrescente parte do concentrado de hibiscus (que sobrou da preparação da maionese), para fazer uma calda. Assim que ficar um pouco mais liquido (com cara de molho :)), retire do fogo. Reserve.

Célerie Rave:

que é isso aqui :

A gente acha pra comprar so o bulbo normalmente. é so retirar a casca e cortar em rodelas finas. Eu cortei mais do meio do legume, pra ficar mais ou menos do tamanho do hamburger. Em seguida "branqueei" em agua fervendo com um pouco de sal (por dois minutos). Tirei da agua quente, e ja coloquei direto na agua com gelo. Assim que esfriou, eu sequei as rodelas, passei um pouco de limão (para elas não escurecerem), e coloquei na geladeira (da pra fazer isso pela manha ou mesmo no dia anterior).

Bacon : eu pego as fatias finas de bacon, coloco em uma forma (forada com papel aluminio) e coloco no forno (a 180°C) por uns 10 minutos. So para deixa-lo no ponto :) um pouco crocante.

Montar o Hamburger : Assim que a carne fica pronta, eu a coloco em uma forma. Bezunto por cima com a calda de goiabada. Coloco a fatia de célerie rave. Por cima o bacon. E cobrindo isso tudo, o queijo (gruyèr em fatias finas). Levo ao forno. Enquanto o queijo derrete, eu esquento o pão na chapa (na mesma chapa onde fiz a carne). Com o pão ja corado por dentro, eu passo o molho de hibiscus nos dois pães. Na parte de cima do pão, eu coloco os tomates e depois a alface. O queijo derreteu ? eu coloco tudo (carne/céleri/bacon/queijo) na parte de baixo do pão, so para depois cobrir com a salada/tomate/pão de cima). Por que isso ? Rah, fazer sanduba é uma arte : fazendo assim o queijo "protege" a salada dos sucos das carnes/queijo. Assim que você morder, tudo desce para a parte de baixo do pão, e se a salada estiver la, ela vai se enxarcar rapidinho e ficar bem ruim... montando da forma que eu expliquei acima, ela conserva o "crocante" e o "frescor" até o final do sanduba....

Esse sanduba ficou top ! otimo equilibrio dos igrendientes, rico (por causa do queijo, bacon, carne) mas "refrescante" (graças ao legume e a citronela, que dao um fundo de boca bem limpinho...), misterioso (graças ao hibiscus, que casa super bem com carne vermelha), crocante (por conta do bacon, mas principalmente por causa do pistache e do legume).... Ta vendo, sanduba é arte :)



Antes de comer fizemos uma degustação de refrigirantes do tipo Cola : a maioria das pessoas preferiu a marca genérica do supermercado lol E ninguém gostou da Coca Cola classica, que era o numero 3 ai da foto.


Atacar !!!! Ah sim, fiz maionese e molho barbecue para acompanhar :)

E de sobremesa isso :) mas essa é uma longa historia que sera contada em outro post :)

Abraços

CH

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Jantar aqui em casa


Uma breve pausa nas receitas do casorio...

Sabado (ja tem duas semanas ja) a Sylviane e o 'Patu' (donos do jardim onde fizemos nosso casorio) vieram aqui jantar com a gente. No menu :

Entrada : julienne exotica lol (manga, cenoura, pepino e palmito cortados em julienne... ah sim, com mâche, uma folha verde de inverno daqui... faltou um tomatinho ai né, pra dar uma cor... mas não tinha aqui em casa... e eu esqueci de comprar) com uma vinaigrette de maracuja e tapioca com manteiga.

é soh cortar os legumes (e a manga) bem fininho.

DICA : corte os legumes/frutas uma boa meia hora antes das pessoas chegarem. Dai coloque a cenoura, o pepino, e a mâche (ou outro legume ou verdura crua) em agua com gelo (não precisa fazer isso com a manga, nem o palmito... pra eles, é so colocar na geladeira, cobertos com um filme alimentar). Na hora de servir é so secar e montar o prato. Vai tudo ficar bemmm crocante e guardar a "frescura" :)

Vinaigrette : passe as sementes do maracuja em uma peneira, para recuperar o suco. Coloque duas ou tres vezes a quantidade de suco em azeite. Sal, pimenta. Misture bemmmm. Esta pronto (pode colocar mel se quiser, ou mesmo mostarda... ervas, o que quiser).

Tapioca : eu roubei nessa :) a Iara trouxe do Brasil uma "farinha de tapioca pronta". Mas tapioca é muito facil de fazer. é so umedecer o polvilho pra fazer a goma. Existem um milhão de videos no youtube que mostram como fazer isso. Dai é so peneirar na frigideira quente, e voilà. Eu so passei um pouco de manteiga dentro, e dobrei.

Prato : bobo de camarao (servido na moranguinha :) ) e arroz com castanha de caju.

Arroz : é so fazer o arroz do jeito que você gosta (eu fiz integral, com cebola e tals). Pode fazer uma hora antes dos convidados chegarem. Assim que for servir, esquente o arroz (ou na panela mesmo ou em um frigideira) e coloque ai as castanhas de caju. Eu coloquei um pouco de cebolinha no final também.

Bobo : ja passei a receita aqui. Mas para as aboboras, eu fiz algo melhor dessa vez. Limpe a abobora (média ou pequena, com uma grande não vai funcionar muito não). O que eu fiz foi cozinha-la no vapor. Bemmmm mais rapido, e bemmm melhor do que no forno. Para essas pequenas, 5 ou 7 minutos foram o suficiente. Com o plus de mesmo a casca ficar boa de comer... o "ponto" é quando a faca estiver entrando com um pouco de facilidade (mais não muita) na carne da abobora. Dai é so retirar do vapor, e deixar esfriar. Da pra fazer isso com bastante antecedencia (no meio da tarde por exemplo). 
Quando estiver servindo a entrada, passe um pouco de azeite em um guardanapo e "besunte" toda a casca da abobora. Coloque o creme de camarão dentro dela, e leve ao forno (à 150°C). So para esquentar. Esse azeite vai deixar a abobora mais bonita, bem brilhante. 
Logo na hora de servir, passei uns camarões maiores no azeite com pimenta Cayenne, e sal.

A Iara não gosta de coentro, então cortei um pouco e coloquei de lado, para quem quiser colocar um pouco...

Sobremesa : bavaroise de queijo minas (em cima de um crocante de biscoito), calda de goiabada e uma telha de amendoas pra decorar.

Não quis fazer um pudim de queijo, acho muito doce, então fiz uma bavaroise, que é tipo de  creme meio "apundisado" :) bemmmm mais leve.

Ingredientes :

Para o crocante de biscoito

100g de biscoito de manteiga (ou margarina, ou canela, etc.)
50g de manteiga, em pomada.

Bata os dois em um mixer. Coloque em uma forma (forrada com papel manteiga), deixe da espessura que quiser. Leve ao forno (à 180°C, ja pré aquecido). Uns 10 minutos ja esta bom. Deixe esfriar.
Dica se for cortar em circulos como eu fiz, o melhor é cortar enquanto estiver quente... dai quando esfriar é so destacar. Se for fazer uma forma grande, é so espalhar bem o biscoito nessa forma, levar ao forno e deixar esfriar.

Bavaroise de queijo

1 folha e meia de gelatina (3g mais ou menos)
45 ml de leite
60g de queijo minas meia cura ralado
20ml de leite (coloquei dois leites, eu sei, separe mesmo assim)
125g de creme de leite fresco
20g de açucar

Hidrate a gelatina em agua fria por uns 10 minutos. Enquanto isso : bata em um mixer o queijo e os 20ml de leite. Vai formar tipo uma pasta, com a textura tipo de um creme de leite. Reserve. Ferva os 45ml de leite. Retire a gelatina da agua, esprema bem e coloque no leite fervido (fora do fogo). Mexa bem, e deixe esfriar um pouco (uns 5min). Misture o queijo/leite na gelatina/leite. Mexa bem. Bata o creme de leite fresco em chantilly (com o açucar).
DICA : o creme de leite fresco tem que estar bemmm frio. De preferencia, coloque uma vasilha com um pouco de gelo e agua em baixo da "saladeira" em que você vai bater a chantilly (na mão ou no fouet élétrico). Vai mais rapido assim... e va colocando o açucar aos poucos.
Misture a chantilly com os demais ingredientes. Mexa com cuidado.
Dai é so despejar na forma com a base de biscoito, ou em circulos, também ja com a base de biscoito.

Leve à geladeira. Umas 2h no minimo.

Calda de goiabada

Goiabada (corte em cubos... eu usei uns 300 gramas)
agua fria (devo ter usado uns 150g)

Coloque a goiabada em uma panela (em fogo médio) com um pouquinho so de agua. Va mexendo, assim que for esquentando, e começar a derreter, va colocando mais agua, sempre aos pouquinhos. Quando chegar a textura desejada, esta pronto. Para "aperfeiçoar" o creme, pegue um mixer de mão e dê uma mixadinha ai... pra ficar bonito... deixe esfriar... eu prefiro servir a calda fria, mas você é quem sabe, qualquer coisa é so esquentar antes de servir...

Telha de amendoas

100g de amendoas em filets 
93g de açucar (eu achei muito, pode cortar um bocado ai)
15g de farinha
55g de clara de ovo (uns bons 2 ovos médios)
20g de manteiga derretida (mas morna, não quente)

Misture o açucar, as amendoas e a farinha. Depois, coloque as claras e a manteiga e mexa até tudo ficar bem misturado. Leve à geladeira por mais ou menos uma hora e meia.

Coloque um pouco da massa (uma colher de café ? de cha ? de sopa ? vai depender do tamanho que você quer sua telha) em uma forma (forrada com papel manteiga). Achate bem a massa para que ela fique bem espalhada, sem pontos "mais altos" que outros... leve ao forno (180°C, ja pré aquecido né) 10-12 minutos (até ficarem um pouco coradas...). Assim que tirar do forno, coloque a telha em cima de algo cilindrico para dar a forma de telha :) facin facin

é isso ai

abraços

CH


quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Comidas do casorio : pernil


Gosto bastante de um pernil (de porco, de carneiro, do que for hehehe), por isso resolvemos fazer um (de porco) para o casorio... assa-lo aqui em casa, cortar em fatias finas para fazer sandubas, e beleza... fiz tudo isso, so que as pessoas não fizeram sandubas, e comeram como sendo "a carne" do parto... teve bom também :)

Ficou bemmmm bom, ai vai : 

Compre um otimo pernil, de um otimo açougue... de preferencia de porco criado com um pouco mais de dignidade e comendo coisas mais saudaveis... 

Limpe (retirando excesso de gordura, e tals)... dai faça cortes, como pequenas cruzes... esfregue bem alguma marinada seca que você goste (eu misturei : pimenta de d'espelette + paprika + canela + noz moscada + sal + pimenta do reino + gengibre em po + mais algumas coisas que não lembro agora :) ). Depois de "bem esfregado", passe um pouco de azeite e um pouco de suco de limão também... lembre-se de passar nos "buracos" que você fez...

Corte em bastões pequenos : uma boa quantidade de bacon, de cenoura e de alho... arrume ai também umas ervas (eu usei tomilho e alecrim)... va colocando um bastão de cenoura + alho + bacon nos buracos... coloque as ervas ai também... embrulhe em filme plastico, e deixe na geladeira... umas 24h....


No dia seguinte, retire o pernil da geladeira e deixe chegar a temperatura ambiente antes de colocar no forno (isso pode levar algumas horas)... 
Pré-aqueça o forno a 150°C por uns 20 minutos.
Coloque o pernil no forno, e deixe arder hehehe 15h minimo (para um pernil de 8kg)... pode deixar 24h... assim que estiver pronto, retire do forno e deixe esfriar completamente antes de cortar.... isso pode demorar algumas horas também...


Corte em fatias finas.... na hora de servir, coloque as fatias em um tabuleiro/pirex, e leve ao forno por alguns minutos, so para esquentar mesmo....

Bom hein ?!

Abraços

CH

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Comidas do casorio : saladas


Fizemos três saladas para o casorio. Pro tanto de coisa que tinhamos feito para comer, uma so ja daria... acabou sobrando bastante. 

Fizemos:

Uma salada de lentilha :


Ingredientes (sem quantidades) : 

- Lentilhas cozidas (mas sem estar muito moles... o ideal é colocar as lentilhas secas na panela com agua fria, e levar ao fogo... uns 20 minutos depois que ferver ja esta pronto... o negocio é ir experimentando, e tirar quando ela estiver cozida, mas ainda durinha... dai é so escorrer e passar na agua fria, até elas esfriarem completamente)
- tomates cortados em cubos (sem sementes)
- cebola cortada em cubos
- ervas (cebolinha, salsinha, etc.) cortadas finas.
- azeite, vinagre, limão, sal, pimenta, etc...

Misture tudo :) se fizer algumas horas antes de servir, não coloque o azeite/vinagre/etc, deixe para temperar na hora.

Salada de grão de bico:

- grão de bico  (de lata mesmo, é so escorrer e lavar bem).
- tomates cortados em cubos (sem sementes)
- cebola cortada em cubos
- ervas (cebolinha, salsinha, etc.) cortadas finas.
- azeite, vinagre, limão, sal, pimenta, etc...

Misture tudo :) se fizer algumas horas antes de servir, não coloque o azeite/vinagre/etc, deixe para temperar na hora.


Salada de batata e alcachofra:

essas alcachofras não estavam bonitas não... normalmente elas são mais verdinhas...


- batatas novas (daquelas pequenas). Se elas não forem todas do mesmo tamanho, corte para que todas fiquem mais ou menos iguais. Lave bem, não precisa tirar a casca não. Cozinhe no vapor (até ficarem macias, mas sem desmanchar... pode ser na agua também... como queira).
- compre ai alcachofras (coração ou fundo) em lata/vidro... o legal é que elas são "curtidas" no oleo ou em "agua". Dai guarde um pouco dessa agua/oleo para temperar suas saladas (em molho vinaigrette por exemplo) :) bem bom.
- ervas (cebolinha, salsinha, etc.) cortadas finas.
- azeite, vinagre, limão, sal, pimenta, etc...

Misture tudo :) se fizer algumas horas antes de servir, não coloque o azeite/vinagre/etc, deixe para temperar na hora.

Bem simples, rapido e gostoso :)

Abraços

CH

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Comidas do casorio : quiches


O tema do casorio era pique-nique. Aqui se come, bastante, quiches em pique-nique e em encontros mais informais.

Facil de fazer e pode ter tudo como recheio (principalmente restos da geladeira).

Ingredientes :

250g de massa brisé (a receita ja passei aqui no blog)
200g de creme de leite fresco (integral)
4 ovos inteiros
100g mais ou menos, de algum queijo de sua preferencia (que derreta é melhor hehe)
e o recheio que quiser...
noz moscada, sal, pimenta, etc...

Abra a massa (nao muito fina, não muito grossa). Cubra a sua forma de torta. Pressione bem com os dedos. Se quiser, retire o excesso da massa que fica pra fora da forma. Eu gosto dessa massa que sobra, entao eu nao tiro :) Com um garfo faça furos (de leve) em toda a base da torta.

DICA : cubra a base da torta com uma folha de papel aluminio. Coloque feijoes ai (um punhado, para poder fazer um bom peso, e um pouco de altura para segurar as bordas para elas nao cairem "para dentro" da torta). Quando você levar ao forno para poder pre assar a massa, ela nao vai cair ou afundar, ou perder o formato :)

Leve ao forno (pré aquecido à 180°C) por 10 minutos.

Enquanto isso, misture em uma saladeira : o creme, os ovos inteiros, o queijo, a noz moscada (ou o que quiser) e um pouco so de sal, nao muito...

Retire a base da torta do forno. Retire o papel aluminio e os feijoes. Espalhe nessa base o recheio. Cubra com o creme+ovo+queijo+etc.

Leve ao forno, até tudo ficar meio durinho, e o queijo bem coradinho... uns 15  ou 20 minutos, depende do forno.

Deixe esfriar um pouco antes de comer.

Quiche de alho poro e emmental (que eu passei de leve o alho poro em uma frigideira até ele ficar quase macio).

Brocolis e queijo de cabra (cozinhei o brocolis no vapor, até ficarem quase macios). Para essa quiche, so faltou o mel :) queijo de cabra derretido com mel é bom demais.

DICA : para pique-nique, festas e tals, uma quiche (de uma forma de 20 e poucos centimetros) "alimenta" 10 pessoas :) como elas vão comer outras coisas, 1 quiche para 10 pessoas da tranquilo...

Abraços

CH 

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Casorio


Opa !! estou muito tempo sem dar noticias. Mas isso tem um motivo : Iara e eu nos casamos no sabado passado (dia 15) ! Dai estavamos enrolados com os preparativos do casorio. Mas boas noticias bloguisticas : eu fiz todos os quitutes da festa (que foi um pique nique... e a Iara fez toda a decoração :) ) ! Então, tenho varias receitas para passar nas proximas semanas....

Ai vão algumas fotos.


Quitutes

Saladas

Quiches

Queijos
   
Doces

O bolo :)

Lembranças :)

Até breve !

Abraços

CH

domingo, 2 de setembro de 2012

Cozinha mais ecologica


Acho que tirei da minha cabeça, ou dos papos que andei escutando sobre como cozinhar de maneira ecologica. Resumindo, o pessoal so falava de comprar alimentos biologicos (vindos de agricultura organica). Ok, ja é um boa coisa, mas nao é nem de perto a coisa mais facil de fazer (pequenas cidades as vezes não tem mercados com produtos organicos), mais barata, mais pratica, mais tudo.

Cozinhar de forma mais ecologica tem que ser visto de varios pontos de vista. Varios métodos para cozinhar alimentos de uma melhor maneira são poluentes. Por exemplo, cozinha a vacuo gasta muita energia e muito plastico. Cozimento a baixa temperatura também gasta muito gas, ou energia. Agua esta sempre sendo gasta na cozinha.

Para mim, o negocio é diminuir o buraco. Balancear um pouco as coisas. Você ficaria impressionado em como ser mais amigo do nosso ambiente na cozinha não é dificil, e nao depende so de comprar produtos organicos. O que muda mais nosso ambiente é o que nos fazemos no nosso dia à a dia, e comprar produtos organicos ainda nao faz parte de nossa cozinha diaria.

Preocupar com o ambiente nao é so reciclar ou comprar organicos. Outras coisas fazem parte, como reduzir consumo, aproveitar ao maximo as coisas, gerar renda para quem esta proximo, consumir de maneira consciente, e por ai vai...

Ai vão algumas astucias, simples, para ser mais camarada com o seu meio-ambiente.

Montando a cozinha :

Ja ficou batido esse, mas as pessoas nao costumam falar tanto. Compre eletrodomesticos que consumam menor energia. Ha uns 10 anos isso era moda, viamos na TV e tudo mais...

Fogão a gas ou placa élétrica ? aqui na França é comum fogões com placas de induçao e forno elétrico (ja embutido). Eles funcionam a base de eletricidade. No Brasil é mais comum o fogão e o forno à gas. Fiz uma pesquisa, e : o fogao, com placas de indução e forno eletricos sao mais economicos e ecologicos. Motivos : o gas natural é muito poluente, mata o que tem por perto (vejam um documentario bacana sobre isso, que se chama Gasland). Ok, as hidrelétricas não sao la essas coisas também não, mas mesmo sendo destrutivas, elas ajudam a fomentar a economia em algumas cidades. "Do males o menos pior" :). O fogao à gas desperdiça 50% de seu calor. Ou seja, 50% que "esta indo para a panela" esta ficando no ar. A indução esqueta somente a panela, e perde so uns 10% ou 20% de calor. Fora o botijao de gas, que polui com transporte, e para ser feito (e pode explodir hehehe). Para cozinhar, o forno eletrico ainda ganha de lavada do forno a gas : o eletrico distribui melhor o calor, deixando o cozimento mais igual (e mais rapido). O a gas, nao é tão preciso, e o calor se perde mais facilmente (e nao sendo igual em todos os lugares do forno). Aqui na França a eletricidade nao custa barato, mas mesmo assim vale mais ter o forno eletrico que o a gas (se o gas for encanado, do prédio, fica mais barato, mas se você precisar comprar botijão, você esta lascado). Mas acho que nunca vi fogão de indução no Br, provavelmente deve custar caro. E a energia em Minas Gerais (onde morava) é muito cara !!! Mas, em todos os pontos, tirando a CEMIG, o fogão de indução, com forno eletrico é mais negocio que o a gas.

Lavadora de louça, ou lavar à mão ? para pouca louça, as lavadoras mais modernas, sao muito mais economicas que lavar à mão... Mas so use com a lavadora cheia hein...

Vamos às compras : aqui, você pode fazer varias coisas

Produtos bio : para mim, produto organico é aquele que nao tem agrotoxico, respeita o ciclo da vida do alimento (seja legume, fruta, verdura ou animal), o produtor, os recursos hidricos, etc. Sabe quem faz isso, e mais barato que aquele que tem o selo "organico" ? o zé da esquina ! ou mesmo o seu jardim ! Compre produtos bio, mas pesquise as pequenas vendas perto da sua casa. Alguns pequenos produtores não usam quimicos nos seus cultivos. Eles são organicos, mas sem o selo, e assim custam mais barato. Aqui na França é facil achar gente assim... no Br eu ja nao sei...

Jardim : tem jardim em casa ? plante ai algumas coisas.... tem apartamento ? na internet tem um monte de tutorial de como ter uma hortinha em apartamento... a casa ganha em vida, e você economiza um pouco também :)

Alimentos de época : por Jaga, compre alimentos de época !! eles são mais gostosos, mais baratos, consomem menos energia para serem produzidos, armazenados e distribuidos. Muita gente fala : no Brasil temos tudo o tempo todo. Papo furado. Coma uma manga em julho e me fale que ela é a mesma que você come em janeiro (estou falando de manga de vedade, não aquelas Tommy e afins, que nao tem gosto de nada... são so bombadas...). Tente respeitar as épocas dos alimentos de sua região. Você vai comer melhor, mais barato, mais saudavel, e vai variar muito mais sua alimentação durante o ano...

Alimentos locais : no Brasil isso é dificil, sabe pq? porque a gente nao tem escolha ! como saber o que é local ou não, se isso não é indicado ? mas tente comprar banana na venda do Zé, e nao no Carrefour. Nada contra o supemercado, mas comprando do Zé, você deixa seu dinherio na sua cidade. O Zé cresce, e pode empregar o malando do seu cunhado hehehe piada infame... economia solidaria, é a economia que priveligia o local. O seu dinheiro fica onde deve ficar, os alimentos viajam menos para chegar à sua mesa, e todo mundo fica mais feliz.

Chegou em casa com as compras :

Lavar legumes : tente lavar em uma bacia com agua, e não em agua corrente. Dai, pegue a agua "suja" e jogue nas plantas :) nao use agua da torneira para isso... use a agua dos legumes.

Compostagem : tirou a casca dos legumes ? faça compostagem. Aqui na França tem sistemas para apartamentos. Nao cheira e é natural... esse é o mais complicado pra fazer eu acho. Tem que ter um pouco de espaço e paciencia para cuidar... eu coloco algumas cascas direto nas plantas :)

Aproveitar alimentos ao maximo : sabe o radiche ? as folhas verdinhas dele ? entao, otimo para fazer sopas... mesma coisa para a cenoura... varios caules que as pessoas nao costumam cozinhar (como o da couve flor, e do brocolis), sao otimos em sopa, ou mesmo cortados finamente e cozido com a parte mais classica :)

Modos de cozimento : para a cozinha de todo dia, privilegie o cozimento curto, como vapor, wok, ou panela pressao... guarde os maiores consumidores de energia para fazer algo mais especial :) se bem que um frango assado no meio da semana é bem bom...

Ovos : pegue as cascas, seque-as (no sol), quebre com a mão e coloque nas plantas. Elas agradecem.

Café e cha : igual. As folhas de cha, jogue nos pés das plantas. Mesma coisa com o café. Ou use a borra do café que sobrou para espantar formigas :)

Carne : reduzir o consumo de carne de vaca é uma boa. O modo como ela é feita hoje em dia é muito prejudicial ao ambiente, ao bolso e ao corpo. Aqui na França tenho muita sorte, pois os melhores açougues são os que vendem carne de vaca produzida de maneira mais ecologica. O animal vive bem solto, come coisas naturais, pasta, e vive seu ciclo de vida o mais naturalmente possivel... a diferença esta no sabor da carne !!! foi mal ai Brasil, mas a carne do Zebu, nosso gado preferido em Minas, é um lixo comparada com os gados de corte francês (não so por causa da qualidade da raça, mas também de como ele é cuidado). Principalmente os que são bem cuidados... claro, a carne assim custa mais caro, mas como consumimos menos carne de vaca, quando compramos, compramos uma carne boa...

Oleo na garrafa : classico. Nao jogue oleo na pia. Coloque em uma garrafa de plastico e jogue no lixo. Se sua cidade tiver pontos de recolhimento, é so deixar o oleo la. Ou, se conhecer alguem que faça sabao...

Aproveitamento de restos : sabe o que sobrou na geladeira ? existem varias maneiras de aproveitar tudo, de maneiras mais criativas que o mexidao de sabado a noite. Tem o cake, quiche, frittatas, etc... vou ver se passo as receitas, pq eu faço muito isso aqui em casa....

Sacos de lixo : dê preferencia para sacos biodegradaveis...

Produtos de limpeza : existem alguns que são menos poluentes... é pesquisar para saber.

Reciclar : embalagens plasticas, latas, etc... separe tudo e leve a um ponto de coleta...

Consumo : mais importante que reciclar, o negocio é consumir menos, e continuar reciclando...

Ai foram algumas dicas, você deve saber varias outras... deixe ai nos comentarios :)

Achei esse livro, mas nao li ainda. Vou ver se comando na amazon, e depois falo se é legal.

Não sei se deu pra ver, mas tudo isso não so ajuda o nosso ambiente, mas ajuda seu BOLSO !!! e hoje em dia, o bolso anda mais importante que a natureza... entao, da proxima vez que você lavar o legume na bacia com agua, e aguar as plantinhas com essa agua não pense "estou consumindo menos, e ajudando meu planeta". No lugar pense " Ha, a conta de agua vai vir mais barata esse mês". Mas se puder pensar das duas maneiras, melhor :)

Abraços

CH

terça-feira, 28 de agosto de 2012

Como defumar em casa : Salmão Defumado


Essa receita vai pro Alexandre e pra Larissa, que ficaram me pedindo para postar (e rapido) como fazer salmão defumado em casa. Facil, facil...

Primeiro : 

Para curar o salmão você vai precisar de sal e açucar. A quantidade vai depender do tamanho do peixe. Tem que ter o suficiente para cobrir bem, e ainda colocar em baixo e dos lados. Eu não usei açucar, porque estamos cortando um pouco o açucar aqui em casa... mas so o sal ja da. Coloquei ervas também (verbena citronnelle, que tem bem o cheiro de limão) e gengibre. 

No geral sera, para 500g de salmão :
- 330g de sal (eu usei sal grosso, mas batido no mixer)
- 165g de açucar
- e algo para aromatizar a cura (ervas, zeste de limão, especiarias, vinho,  folhas de cha, e mais o que você quiser)


Misture toda a cura, coloque um pouco em um recipiente, que feche e va à geladeira.

Passe bem tudo no salmão. O suficiente para cobri-lo. Deixe na geladeira.

Dica : quanto mais tempo na geladeira, mais liquido ele perde, e mais "durinho" ele fica. Para cortar lindas tranchas, deixe na geladeira por uns 2 dias. Eu costumo deixar so umas 12h mesmo (mas acho pouco).

Assim que tirar da geladeira, lave em agua corrente. Retire toda a mistura. E seque com um papel absorvente.

Dica : o salmão ja esta pronto para comer se você quiser :)

Agora, para defumar, da maneira mais simples de todas, você vai precisar :

Um recipiente, meio com grelhas, que caiba em uma panela. Pode ser uma grade, ou o que você usa para fazer legumes no vapor, qualquer coisa...
Eu uso esse negocio de bambu, que serve para fazer peixes, legumes, e outros quitutes mais no vapor.

Um tampa para a panela, e ervas secas para cha. Pode ser qualquer uma. Eu fiz uma vez com petalas de rosas secas para cha, e ficou bemmmmmmmmmmm bom.
Aqui estou usando verbena. 

Coloque sua panela no fogo. Pode ser fogo alto.

Assim que o negocio esquentar (mas muito mesmo, deixe ai uns 5 minutos), jogue ai as folhas de cha.

Você vai ver que ja vai sair fumaça. Retire do fogo.

Coloque o recipiente com o peixe ai, e tampe bem. Deixe ai por uns 30 minutos. Se quiser tampar ainda mais com um pano, é bom também.

Faça isso umas 3 ou 4 vezes mais. Ou até ficar do jeito que você quiser.

Esse é com a verveine :
O salmão com a pele e escamas.

Esse é com a rosa.
Salmão sem pele...

Dica : se você retirar a pele do salmão antes de salgar, ele vai ficar um pouco mais salgado. Assim que tirar da cura, lavar e tals, corte um pedacinho para ver se esta no ponto de sal, ou se esta muito salgado (lembre-se, salmao defumado é um cadin salgado, nao é pra encher a pança com isso, é so pra dar um tchan, fazer um sanduba, aperitivo e tals.... mas se tiver muito salgado, dessalgue um pouco é so deixar de molho na agua, e ir trocando a agua a cada 15minutos... faça isso durante uma hora... mas nao retire todo o sal hein).

Dica : com esse método, você pode defumar o que quiser !!! batata ja cozida, sal, legumes diversos, especiarias, tudo, mas tudo mesmo !

Esse método ai é defumar "à quente" hehehe mas tem como defumar "à frio"... mas dai é mais complicado, e nao é tão pratico fazendo na panela, no fogão... dai é melhor com maçarico e tals... passo o método à frio assim que fizer aqui em casa...

é isso ai, 

Abraços

CH

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Rouen


Dia 15 de agosto fomos para Rouen, terra da Amélie, a francesa com quem a gente mora junto. Muito bonita a cidade, e principalmente a região da Normandie. Tudo muito bonito, colorido e cheio de vida. E muita historia pra contar...

Onde a Joana D'Arc foi queimada...

Logo na esquerda o auberge (restaurante + lugar pra dormir) mais velho da França.

viu ?!

A catedral em reforma... mesmo assim bem bonita.



As casas que vão cair :)

Rua Martainville, cheia de restaurantes :)

Vai cair :) 

 Claro fomos comer em um restaurante : La Walsheim (na rua dos restaurantes).

Amélie e seus pais... e eu :) bela decoração do restaurante...

Entradas :

Eu comi um tartare de pato defumado com maças e mayonnaise de calvados... bom demais, e a ideia é otima também...  

A Iara comeu um ovo em cocote com fois gras...

Pratos :
Eu : Um T-Bone de porco com molho de Neufchatel (um queijo da Normandia, bem bom) e um pûre de batatas

A Iara comeu um confit de pato com batatas fritas...
 Sobremesa :
Nos dois : Crepe com maças e sorvete de caramelo com sal

Bem bom, vale o jantar :)

Andando pela a Normandie, voilà : um igreja na arvore :)


Praia de Yport, bem bonita...

Comemos por la, mas esqueci de pegar o nome do restaurante... ele fica bem de frente a praia.

Entrada :

Comemos camarão com mayonnaise...

Prato
Eu comi moules frites (mariscos marinados com batatas fritas)

A Iara um pavé de salmão... 

Sobremesa :
Sorvete de limão com chantilly

Areia fina em Etretat :)

Bonito hein (nao o dia que tava bem feio hehe)

"Barrancos" em Fécamp

A Normandie nos fisgou... quem sabe não voltaremos la uma outra vez :) 

Abraços

CH

Da uma olhada ai

Related Posts with Thumbnails