sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Ouest Express, longa historia

Um cadin de falatorio (acabei de reler o texto, e escrevi pacas hehehe)....

pra quem nao sabe, nasci em Divinopolis -MG. Mal vi a luz chegar e fui morar em Lavras -MG. Morei la até os 18 anos. Em 2002, fui pra Uberlândia fazer faculdade de musica. Nesse tempo de faculdade comecei a cozinhar em casa, meio que por sobrevivencia hehehe Durante esses anos de faculdade eu via muitos programas de culinaria na Tv, por que era a hora do meu café da manha, e eu so tomo café da manha com alguma coisa fazendo baraluho na minha frente, no caso a Tv. Pegava um monte de receita e fazia na republica. As vezes ligava para minha e mae e perguntava : comé que faz feijao ??? comé que eu faço creme de milho ?????? (tem um caso engraçado.... minha mae falou : coloca maizena no leite, va mexendo até engrossar... fiz isso, e fui mexendo, mexendo, mexendo, dai liguei pra ela : "esse troço nao engrossa", e ela " o fogo ta baixo ou ta alto", eu " fogo ? você nao falou que tinha que levar ao fogo" hehehehehehe eita....)

Continuando a historia.... em 2005 conheci a Iara e começamos a namorar. Em 2007 fomos morar juntos, logo no começo do ano, em janeiro. Nessa época eu fazia umas receitas da VIP (uma revista de bobagens masculina) e também ja lia a Gula (revista de gastronomia)... e tentava algumas coisas em casa.... me formei em musica em março de 2007 (por causa das benditas greves) e bateu aquela ressaca da universidade. Meio sem rumo, desmotivado e sem ter o que fazer resolvi fazer um curso de culinaria no SENAC (o tal do chef basico, um curso de 8 meses, em Uberlandia mesmo). O curso foi bem legal, aprendi varias tecnicas de cozinha basicas, de cortar legume à fazer pao.... me interessei ainda mais por cozinhar e fui pra SP fazer um curso de uma semana de comida japonesa no SENAC-SP. De volta a Udia fiz alguns estagios em cozinha, com o propio Chef Fausto Reis, nosso professor pra la de enrolado, mas uma boa figura ; no hotel Executive Inn (uns 4 dias) ; e no 2 Festival Internacional de Gastronomia de Araxa (trabalhando na equipe de grandes chefs do Brasil, como Ivo Faria, Christophe Besse e Luciano Boccegia). Foi um grande aprendizado. Resolvi, que se fosse trabalhar com gastronomia, que era isso que queria pra mim : alta gastronomia, pratos requintados, com qualidade. Que nem sempre sao complicados, mas a qualidade dos produtos e execussao sao o que contam... fora a criatividade....

Nesse tempo criei o Gurmet Glutao, para poder compartilhar com amigos, familia e com outras pessoas interessadas em comer bem o que fazia em casa, ou o que lia e estudava sobre comer e beber....

No começo de 2008 trabalhei em um restaurante que tinha esse perfil que procurava : alta gastronomia e tals... ele se chama Glass, em Uberlandia. Vivi de perto essa emoçao hehehe de trabalhar no estresse da cozinha (coisa que eu adoro hehehe)... mas apesar de ter sido uma experiencia valida, o restaurante tinha la os seus defeitos, e nao seguia essa minha visao do que é alta gastronomia : como por exemplo o respeito aos alimentos, boa execuçao e honestidade com os clientes.... cansado até os ossos (fazia umas 50 horas no restaurante + 20 horas em uma escola de musica em Araxa + 5 aulas em uma escola de musica em Udia + aluno particular), sai do restaurante por motivos de saude (tive pedras nos rins) e por convicçao mesmo (nao era o que eu tinha em mente sobre um restaurante de tal gama)....

Em 2008, no meio do ano, vim para a França fazer um mestrado em composiçao (musica aplicada as artes visuais). Vim meio que pra fugir de Udia (uma cidade que tem suas qualidades e defeitos, mas meio que sufoca a gente hehehe sai pra respirar um pouco) e pra me motivar a estudar musica (de 2004 à 2008 compus algumas trilhas sonoras, para teatro, na faculdade, curta metragem, de amigo, e dança, graças a minha sogritcha e a Iara). Aqui conheci muitos estudos em musique de cinema, que nem passavam na minha cabeça no Brasil, e me empolguei em compor (fiz 5 filmes e dois espetaculos de dança aqui) e a pesquisar (analisar, conhecer) musica de filme.

Em 2009, muitas coisas aconteceram : a Iara veio pra ca me visitar no começo do ano, e definitivamente para estudar em setebro (o ano letivo começa em setembro aqui), comecei a trabalhar em um restaurante universitario, com um emprego de estudante (trabalhava na plonge... lavando pratos e tals... mas era bandejao, entao era pegar as bandejas de um esteira e colocar em uma outra, e tirar da maquina... menos mal hehehehe). Terminei meu mestrado em musica em agosto (aqui eles dividem em M1, primeiro ano de mestrado e M2, segundo ano, entrei direto no segundo ano, por isso so durou um ano). E fui aceito no M2 em cinema. Comecei a desenvolver uma pesquisa em musica de filme (que é mais desenvolvida na area de cinema que na musica....). Em outubro de 2009 comecei a trabalhar (sempre com emprego de estudante, ou seja, poucas horas por semana, e ganhando o minimo) em um restaurante chamado Ouest Express.

O Ouste Express é uma linha de Fast Food do todo poderoso chef de cozinha Paul Bocuse. Em 2007 (se nao me engano) a Maison Bocuse (grupo de investidores + o Paul Bocuse) criaram esse Fast Food (que é bem desvinculado da imagem do Paul Bocuse, mesmo tento a fotinha dele no site, nao tem nem sinal do homem no restaurante...). A proposta é servir rapido, com alimentos de qualidade. Muita gente se decepciona, por esperar algo mais "caseiro", do tipo pao feito por nos, etc... mas é fast food, entao é montar as coisas rapido, e vender bastante.... mas, os materias sao de otima qualidade e tudo muito correto (coisas que nao acontecem nos outros fast foods)... entao o preço é mais salgado hehehe o que limita a clientela... e se você gosta de McDonald's, provavelmente nao vai gostar do Ouest Express, pq sao linhas diferentes...
No final das contas, o Ouest é meio que um fast food chic hehehe olha ai o site :


tem um video de promoçao também


nao trabalhei nesse restaurante, que é "matriz" digamos assim... trabalhei na "filial" da Part-Dieu (dentro do centro comercial de Lyon... tem fotos no site que passei). Trabalhei meio que fazendo de tudo : sanduba, massa, salada, molhos, pratos quentes e por ai vai, mas sempre na cozinha...

Escrevo trabalhei, por que ontem foi meu ultimo dia no restaurante. Consegui uma bolsa para finandiar meu doutorado (que começa agora vai até 2013...). Foi muito divertido trabalhar esse ano (2009/2010) la... fiz bons colegas, dei muita risada e pela primeira vez deixei um trabalho que vai me deixar saudades (ta certo que a minha turma de Araxa era bem legal, e fiz boas amizades la também)... gostava muito do pessoal la e eles gostavam muito de mim também... fiquei um pouco triste, mas feliz também por conseguir a bolsa e poder me dedicar exclusivamente aos meus estudos, que é o objetivo principal dessa vinda à França....

o blog vai continuar firme e forte, com mais dicas, receitas e etcs... por que cozinhar é uma atividade que recarrega as baterias e me faz um bem danado.... e comer entao nem se fala hehehehehehe

aquele abraço e a gente vai "se vendo" por aqui :)

CH

8 comentários:

Mirelle Siqueira disse...

adorei o texto, eu ja sabia da historia toda mas diz que nao é bom desabafar? assim tb, seus leitores vao saber mais da sua historia, dos seus objetivos...

sorte na proxima fase que logo se inicia! viver é escrever nossa historia em paginas em branco, e para escrever novos capitulos é preciso virar as paginas que ja estao completas. parabens pela bolsa mais uma vez!

Emiliana disse...

Muito legal sua historia e a maneira como ela foi "crescendo"! Fruto da sua determinação! Parabéns pela história e tb pela bolsa!!! (também tô aguardando - ansiosamente - o resultado de uma do Brasil, mas por enquanto sigo fazendo meu post-doc "bénévole" por determinaçao tb...pq amo fazer pesquisa!). Um grande abraço.

maria neusa disse...

Duas notícias boas: a sua bolsa de estudos,merecida .E a que vai continuar ,aqui, a nos deliciar.Belo texto.Beijos orgulhosos da sua ex-fessora de redação.

Luís Gustavo disse...

Recordar é viver... Não lembrar que a gente cozinhava junto na república?! Tudo bem, mas esquecer a gravação do CD do Giralua em 2006 foi meio triste. Abraço e boa sorte no doutorado!

carlos henrique disse...

Coloquei cozinhar na republica como algo geral hehehe os macarrozoes de frango, arroz à grega, bolo de chocolate, bolo de fuba...

o CD eu nao esqueci nao... contei mais minha caminha "gastronomica", e meu percurso universitario, para a chegada ao doutorado...

mas, me ratificando, e te corrigindo : eu e meu irmao tocavamos à troco de bananas na noite uberlandense, principalmente em festas universitarias. Começamos em 2002, 2003.
Em 2003 : no meio do ano tocamos no Cine Arte, ja com o nome de Giralua, e com a proposta "definida", tocar nos dois + convidados. No repertorio alguns compositores brasileiros classicos. Nesse show contamos com a participaçao do Carlos Menezes. No fim desse ano fizemos um show com banda, tocando so Djavan (nos + marcelo moraes e Eduardo Marra).
2004 : começamos a fazer mias shows com banda, agora com a participaçao do sanfoneiro Naldo Luiz. Nessa época começamos a tocar so clube da esquina.
2005 : gravamos o CD de Julho a Setembro (aproveitando a greve da faculdade hehehe). Periodo bem estressante, mas bem bacana tb... comendo nossos "X pedreiros" nos intervalos das gravaçoes (pao frances com mortadela hehehe)
2006 : dai lançamos o CD em Abril, no Palco de Arte (Uai q Dança). Começamos a tocar Samba Rock nessa época também. E continuamos a fazer shows em 2007 e 2008, com samba-rock, Milton e musicas propias (nao foram milhares de shows nao hehehe todo mundo ainda estava terminando a faculdade, e o tempo era pouco). Mas teve bao, e era um momento legal para criar arranjos diferentes para os classicos do Milton...e das nossas composiçoes também...

voilà voilà

maria neusa disse...

A troco( sem crase) de elucidação está bom...vale só uma página sobre a importância da música na vida de vcs dois,né? Beijos maternos.

Delma disse...

Caique
Conhecia sua história mais ou menos, agora fiquei conhecendo com detalhes. É uma história rica. Fico muito feliz tb com a Bolsa que vc conseguiu. Parabéns! Quando vier passear em Udi, minha cozinha estará a sua disposição para vc fazer seus experimentos gastronômicos.rsrsrs
Sucesso!

Iara Fonseca Schmidt disse...

Meu amor, compartilho das suas alegrias e agonias gastronomicas e musicais desde 2005 e sou grata por isso! Torço por você tbm desde então!
Te amo e te admiro!

beijos orgulhosos,

Gatita

Da uma olhada ai

Related Posts with Thumbnails